Google+ Followers

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

METÁFORA DOS POTES DE BISCOITOS



Quando damos a nós próprios exatamente aquilo que necessitamos, seja um elogio, seja um presente, seja um gesto gentil, e quando nos sentimos plenos e seguros, temos vontade de dar amor ao próximo. A metáfora dos potes de biscoitos talvez possa exemplificar.




Temos dois potes de biscoitos dentro de nós: um é nosso e o segundo é dos outros. Aprendemos a deixar sempre cheio o pote dos outros e para isso assamos muitos biscoitos. Mas nem pensamos em fazer o mesmo com nosso pote. Somos levados a acreditar que, se fizermos biscoitos para os outros, nosso pote se encherá espontaneamente, já que os outros farão o mesmo por nós, e todos ficarão felizes. A realidade, porém, não é assim. Nosso pote está sempre vazio, e se alguém o enche de biscoitos estes nunca têm o sabor que desejamos no momento. Não é de admirar que nos sentimos desamparados, magoados e irritados quando os outros comem biscoitos que assamos. O paradoxo é muito simples: encha primeiro seu pote com biscoitos preferidos e deixe as sobras para o pote alheio. Mantenha seu pote sempre cheio, pois assim nossa energia para fazer alguma coisa por nós mesmos e pelos outros aumenta.





Fonte: O Terapeuta de Bolso - Susanna McMahon - Editora Gente


Psicoterapia Beneficia as Pessoas! http://psicologaneatauil.blogspot.com